Vai comprar o primeiro carro? Veja dicas para não errar na escolha

Vai comprar o primeiro carro? Veja dicas para não errar na escolha

Um dos momentos mais aguardados e especiais na vida de qualquer pessoa, a aquisição do primeiro carro deve ser muito bem planejada, independentemente de seu valor. Seja um carro zero ou um seminovo, cada etapa do planejamento financeiro deve ser muito bem analisada, assim como uma série de outros gastos inclusos na rotina automotiva.

Veja algumas dicas muito importantes para se preparar para guiar seu carro novo sem comprometer o seu bolso.

Saiba analisar qual é o modelo que você precisa

O primeiro passo para uma compra consciente é traçar seu perfil e adequá-lo ao modelo, e não ao contrário. Quem tem uma família com filhos, por exemplo, precisa mais do espaço e conforto de um SUV ou minivan, e não necessariamente da esportividade e do design de um esportivo ou picape. Avalie suas reais necessidades, mesmo que isso signifique adiar a compra do carro dos sonhos.

Fique atento aos itens da versão desejada

Depois de decidir qual será o modelo, atente-se aos itens oferecidos em cada versão. Geralmente, as montadoras oferecem itens mais básicos de fábrica, e agregam custos aos opcionais para as versões mais equipadas, alterando o valor final do veículo. Isso altera outras despesas, como taxas, impostos e seguro.

dicas-para-comprar-seu-primeiro-carro

Imagem: reprodução pixabay.com

Atenção ao consumo de combustível

As paradas na bomba do posto serão uma constante na vida do novo motorista. Quem usa o carro todos os dias pode optar por motores mais econômicos, como o Pure Tech do Citroën C3. O modelo foi eleito um dos mais econômicos do país em sua categoria.

 

Compare diversas opções de financiamento

Vale a pena ter paciência e simular todas as opções de financiamento disponíveis no mercado até encontrar a mais flexível para sua compra. É possível realizar a compra junto à própria montadora ou concessionária, além de planos oferecidos por instituições financeiras e bancos. Pesquise com calma e nunca comprometa mais de 25% de seu orçamento mensal.

Leve em conta mais do que o valor do automóvel

Além dos custos do próprio veículo, é extremamente importante colocar na ponta do lápis as despesas com revisões periódicas e manutenção, além dos custos com o seguro contra furto e acidentes, IPVA, licenciamento e até com estacionamento, caso necessário na rotina. Some essa quantia ao valor das parcelas e fique atento ao seu orçamento e planejamento financeiro.

Grande abraço!
Press Office

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.