Confira os principais erros de quem decide investir em uma franquia

Confira os principais erros de quem decide investir em uma franquia

Pensando em empreender e adquirir uma franquia? Atente-se aos possíveis problemas e prepare-se para prosperar!

Em tempos de crise econômica, investir no setor de franquias pode ser a solução para lucrar. Dados da ABF – Associação Brasileira de Franchising, mostram que, no Brasil, o mercado do franchising cresceu 7% em 2018. Além disso, o número de vagas para atuar nesse tipo de negócio cresceu, chegando a quase 1,3 milhão de trabalhadores. São números promissores, que demonstram que pode ser um bom negócio.

Porém, alguns cuidados são necessários para atingir o sucesso do seu empreendimento. Não adianta só optar por uma marca reconhecida e achar que isso será sinônimo de dinheiro no bolso. Alguns erros simples podem acontecer, mas o melhor caminho é planejar seu negócio com calma para fugir deles.

Veja quais são as principais falhas do mundo das franquias e como o empreendedor pode se precaver:

Falta de treinamento

A capacitação da equipe é o primeiro passo para uma empresa obter bons resultados. Franquias atuam de maneira padronizada e alinhada, logo, é preciso manter os modelos de qualidade exigidos para evitar reclamações da clientela e fazer a reputação do seu empreendimento ir por água abaixo.

Tudo começa com a capacitação dos franqueados. O empreendedor precisa absorver todos os detalhes relacionados a gestão da empresa e padrões de qualidade. Porém, de nada adianta ficar apenas com o treinamento inicial. Gerenciar uma empresa desse setor exige estudos e capacitações constantes.

Logo em seguida, um treinamento de motivação para a equipe ajuda a manter o time engajado na causa. Por isso, um coaching para o líder da franquia ajuda-o a saber como compartilhar tudo o que aprendeu com seus funcionários e como mantê-los entusiasmados. No final do dia, todos precisam estar em busca dos melhores resultados para a empresa.

Falta de dinheiro em caixa

Acredite, é muito comum encontrar franquias com problemas de gerenciamento financeiro. Os franqueados estão sempre muito atentos ao investimento inicial para abrir o negócio, entretanto ele só será saudável se houver um capital de giro, ou seja, o dinheiro que financiará o dia a dia da empresa.

Lembre-se sempre: o lucro não chega rápido, mas as contas de aluguel, energia e o pagamento dos funcionários e fornecedores sim! Se faltar o dinheiro para pagar o básico, o empresário logo precisará de um empréstimo, e aos poucos isso pode virar uma grande bola de neve.

Para evitar o pior, não custa nada ter uma planilha aberta ou o lápis e papel na mão para contabilizar exatamente tudo o que a franquia precisa para se manter ativa. O planejamento do negócio e a análise constante afastam os negócios dos endividamentos e problemas financeiros. Melhor prevenir do que remediar!

Localização da franquia

De nada adianta escolher uma franquia de uma marca de sucesso, mas pecar no planejamento. Nem sempre, uma rede que funciona bem numa determinada região do país vai triunfar em outra. Sabia que, em 2009, as Casas Bahia fecharam todas as suas lojas no Rio Grande do Sul por conta do baixo desempenho?

Isso também vale para o planejamento de local de ponto de venda dentro da cidade. Afinal, quem disse que uma operação de sucesso em Ipanema é sinônimo de êxito em São Cristóvão?

A dica é estudar muito para conhecer o seu consumidor, seus hábitos, preferências de compra, enfim. A partir disso, verificar qual área da cidade estaria mais propensa a ter pessoas como o público-alvo da empresa. Tome a decisão de instalar a franquia num lugar que você tenha certeza que seu negócio será bem recebido.

Falta de planejamento de estoque

Nem 8, nem 80. Não é recomendado guardar grandes quantidade de mercadorias no estoque, pois isso pode ter efeito negativo nos resultado dos negócios, como danos no armazenamento e possibilidade de vencimento dos produtos, por exemplo. Ao mesmo tempo, o fato de não ter reservas pode ocasionar problemas de entrega do produto para o consumidor.

Se sua franquia está localizada num espaço pequeno, que não permite um local para estocar itens, saiba que já é possível contar com self storage para guardar tudo o que você precisa, garantindo o provisionamento sem a necessidade de aumentar o espaço do seu negócio.

A auto armazenagem também auxilia nos seus custos financeiros, já que sai mais em conta do que alugar uma sala comercial ou um galpão e sem precisar pensar nos gastos com IPTU, condomínio, manutenção e segurança.

Agora que alguns dos riscos foram apresentados, é hora de planejar todos os detalhes para evitar os possíveis problemas. Com um bom planejamento e um olhar cuidadoso para todos os detalhes, tenha certeza que seu negócio vai prosperar.

Boas vendas!

Press Office

Imagem: freeimages.com

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.