9 problemas de saúde que a má higiene bucal pode causar

9 problemas de saúde que a má higiene bucal pode causar

Cáries, mau hálito e gengivite são apenas alguns dos problemas que a má higiene bucal pode causar. Confira aqui outros!

Desde pequenos aprendemos que escovar os dentes deve ser uma prática diária e ocorrer, ao menos, três vezes ao dia. O uso do fio dental, escovação e enxaguantes bucais são fundamentais, bem como do limpador de língua.

A falta de higiene, ou má higiene bucal, pode resultar em diferentes problemas para a saúde. É importante saber que essas doenças vão além das cáries, afetando, até mesmo, o coração. Saiba mais!

Como a má higiene bucal pode prejudicar a saúde

São muitos os problemas de saúde decorrentes da falta ou má higiene bucal. E quando falamos sobre isso, logo pensamos em cáries, tártaro e gengivite.

Porém, a má escovação, ou falta dela, pode causar sérios problemas de saúde, além dos mencionados acima. Ou seja, pode comprometer a saúde de outras partes do corpo.

Isso ocorre por conta da proliferação de bactérias, que geram lesões e até infecções. A limpeza inadequada favorece essas condições, aumentando o risco de essas bactérias irem para a corrente sanguínea.

Sem contar que a falta da visita periódica ao dentista favorece essas condições. Vale frisar sobre a importância de procurar um profissional para avaliação, independente de a pessoa contar com um plano odontológico, consultas públicas ou por meio de consultas particular.

Confira aqui alguns desses problemas e doenças com início na cavidade oral, que vai para outras regiões do corpo.

Problemas e doenças causadas pela má higiene bucal

Veja aqui algumas das principais doenças!

  1. Câncer

Ao não fazer a correta higiene bucal, pode ocorrer inflamação e infecção em outras partes do corpo, inclusive na própria boca. Se essas condições não forem tratadas, podem resultar em lesões celulares irreversíveis e, inclusive, o câncer. Ou seja, essas lesões podem contribuir com o aumento de células malignas, desenvolvendo tumores.

  1. Artrite reumática

Com as bactérias na corrente sanguínea, os caminhos são muitos, bem como as possibilidades de acometer alguma região do corpo. As articulações estão entre as possibilidades e, por não ser um local habitual dessas bactérias, o corpo pode não reagir naturalmente, dificultando assim, o tratamento.

  1. Parto prematuro

Grávidas com doenças periodontais correm um risco maior de terem parte prematuro, ou seja, antes de completar 37 semanas. Especialistas acreditam que as bactérias das infecções bucais possam estimular as contrações e dilatação do útero.

  1. Canal

Além das temidas cáries, a escovação inadequada contribui com o desenvolvimento de canal.

  1. Endocardite bacteriana

Um problema muito sério que pode ser originado da falta de uma higiene bucal adequada. Trata-se de uma infecção que acomete o coração, podendo levar a pessoa à morte. Saiba que as bactérias podem entrar no sistema sanguíneo por meio de um sangramento na boca. Com isso, podem atingir as válvulas ou tecidos, acometendo assim, o revestimento do coração.

  1. Pneumonia

Quando as bactérias, no caso de inflamação/infecção na boca, caem na corrente sanguínea, pode acometer até os pulmões. Isso resulta em pneumonia, já que as bactérias não encontram resistência natural nessa parte do corpo.

  1. Doenças periodontais

A falta de escovação pode resultar em problemas da saúde bucal, como periodontite, gengivite e até retração gengival. Além do problema em si, podem ainda resultar na perda do dente, bem como ocasionar graves doenças sistêmicas.

  1. Mau hálito

A higiene bucal incorreta, ou falta dela, resulta no acúmulo de placa bacteriana, tanto nos dentes, quanto na língua e gengiva. Com isso, ocorre a produção de odores desagradáveis. A dica dos profissionais é usar, diariamente, o limpador de língua.

  1. Aftas

Existem mais de uma causa de aftas, desde lesões ocasionadas pela escova, como também a má higiene bucal. Além disso, é importante saber que, se a pessoa não mantém boa higiene, a cura dessa condição é comprometida.

Como se proteger desses problemas de saúde

Como forma de prevenção, a primeira dica é manter boa higiene bucal diariamente. Além da escova, creme dental, fio dental e enxaguante bucal, é importante fazer uso do limpador de língua.

Porém, as visitas ao dentista devem ocorrer periodicamente, sendo duas vezes ao ano. Essas ações evitam prejuízos maiores, bem como mantém o sorriso em dia!

Por: Andreia Silveira

Press Office

Créditos imagem: pixabay.com/pt/photos/creme-dental-escova-de-dentes-3067570

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.