Sabedoria popular trás sucesso para grupos corporativos

Sabedoria popular trás sucesso para grupos corporativos

Um momento raro de reflexão onde se pode ver o quanto mede o valor da experiência.
A fábula a seguir retrata com maestria o preço da experiência em grupos corporativos e até na vida pessoal de cada um.
Leia e divirta-se!

O cachorro, o macaco e o leopardo

Uma velha senhora foi para um safari na África e levou seu velho vira-lata com ela.
Um dia, caçando borboletas, o velho cão, de repente, deu-se conta de que estava perdido. Vagando a esmo, procurando o caminho de volta, o velho cão percebe que um jovem leopardo o viu e caminha em sua direção, com intenção de conseguir um bom almoço.
O cachorro velho pensa:
— “Oh, oh! Estou mesmo enrascado!” Olhou à volta e viu ossos espalhados no chão por perto. Em vez de apavorar-se mais ainda, o velho cão ajeita-se junto ao osso mais próximo, e começa a roê-lo, dando as costas ao predador…. Quando o leopardo estava a ponto de dar o bote, o velho cachorro exclama bem alto:
— Cara, este leopardo estava delicioso! Será que há outros por aí?
Ouvindo isso, o jovem leopardo, com um arrepio de terror, suspende seu ataque, já quase começado, e se esgueira na direção das árvores.
— Caramba! pensa o leopardo, essa foi por pouco! O velho vira-lata quase me pega!

Um macaco, numa árvore ali perto, viu toda a cena e logo imaginou como fazer bom uso do que vira: em troca de proteção para si, pensa ele, informaria ao predador que o vira-lata não havia comido leopardo algum.
E assim foi, rápido, em direção ao leopardo. Mas o velho cachorro o vê correndo na direção do predador em grande velocidade, e pensa :
— Aí tem coisa!
O macaco logo alcança o felino, cochicha-lhe o que interessa e faz um acordo com o leopardo. O jovem leopardo fica furioso por ter sido feito de bobo, e diz:
— Aí, macaco! Suba nas minhas costas para você ver o que acontece com aquele cachorro abusado!
Agora, o velho cachorro vê um leopardo furioso, vindo em sua direção, com um macaco nas costas, e pensa: — E agora, o que é que eu posso fazer?
Mas, em vez de correr (sabe que suas pernas doloridas não o levariam longe…) o cachorro senta, mais uma vez dando costas aos agressores, e fazendo de conta que ainda não os viu, e quando estavam perto o bastante para ouvi-lo, o velho cão diz:
— Cadê o maldito macaco que ficou de trazer outro leopardo para eu comer e não chega nunca?!
Ouvindo isto, mais que depressa o jovem leopardo da um bote para trás e faz do macaco sua refeição, saindo logo em retirada.

Dessa lição podemos dizer que:
O dinamismo e rapidez da juventude deve ser mesclado e dosado com a habilidade e experiência dos mais velhos, nunca, confrontados.
Principalmente em ambientes profissionais!

Sabedoria só se adquire com idade e experiência.

Fonte:
mais.uol.com.br
Imagem:
sxc.hu

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.