Entenda como é feita a cirurgia plástica na orelha e quem pode fazer

Entenda como é feita a cirurgia plástica na orelha e quem pode fazer

 A decisão de fazer uma cirurgia plástica normalmente acontece na idade adulta e se torna ainda mais popular ao longo do processo de envelhecimento. Porém, algumas deformidades, como no caso das orelhas de abano, tornam a necessidade de tomar essa decisão ainda na infância. Para pacientes que apresentam tal condição,  entenda como é feita a cirurgia plástica na orelha, quem pode fazer e quais os resultados esperados.

Meu filho tem orelha de abano. Ele precisará de cirurgia plástica na orelha?

A partir dos 5 anos de idade já possível perceber alterações na proporção e equilíbrio dos membros que compõem a face. É por volta dessa idade que pais e familiares percebem que a criança possui um problema estrutural nas orelhas, que se torna cada vez mais visível. Nesses casos, como saber se é o caso de optar pela cirurgia plástica na orelha?

A decisão de fazer uma cirurgia plástica na orelha deve ser tomada entre os pais, a criança e o cirurgião plástico. Esse tipo de deformidade, normalmente, não traz nenhum prejuízo auditivo e está relacionada apenas ao desconforto estético causado. Mais ou menos por volta dos 6 anos, que é quando a criança começa a ir à escola, é possível perceber se as orelhas de abano interferem em seu comportamento e se ela está sofrendo algum tipo de dano emocional por sua aparência.

É importante levar em consideração as queixas e argumentos de seu filho, para que ele se sinta seguro em todo o processo cirúrgico, caso essa seja a opção.

Como é feita a cirurgia plástica na orelha?

A otoplastia, termo usado para a cirurgia plástica na orelha, é feita em centro cirúrgico, com anestesia local e sedação. É recomendado que o paciente faça um pré-operatório completo, incluindo exames laboratoriais e avaliação médica. No caso das crianças, também é necessário confirmar que seu filho não possui nenhum tipo de infecção auditiva crônica.

Geralmente, a cirurgia plástica de orelha bilateral demora em média 90 minutos, e a unilateral leva cerca de 60 minutos. Após a anestesia, o cirurgião plástico inicia o procedimento, usando técnicas cirúrgicas que aumentam a borda da orelha e diminuem a cartilagem da concha, que é a região mais profunda e de maior extensão do ouvido externo. Os cortes da cirurgia plástica na orelha são feitos atrás da orelha e não ficam visíveis.

Os resultados da cirurgia plástica na orelha podem ser vistos no momento da retirada dos curativos, o que acontece até 2 dias depois da cirurgia.

A orelha de abano pode voltar com o tempo?

O resultado da cirurgia plástica na orelha é definitivo, desde que a otoplastia seja feita de maneira correta. Alguns pacientes adultos procuram cirurgiões plásticos para refazer a cirurgia plástica feita na infância, mas que não foi bem sucedida. Além de procurar um cirurgião plástico com ótimas referências e em quem você confie, também é preciso seguir à risca todas as orientações do pós-operatório. Um pós-operatório bem feito é fundamental para que a cirurgia plástica na orelha não precise ser refeita ao longo da vida.

Grande abraço!

Press Office

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.