Semana Santa

Semana Santa

Por Antônio de Oliveira

Anos atrás, às vésperas da Semana Santa surgiu uma propaganda de uma empresa de turismo nestes termos: “Ou você viaja na Semana Santa ou a monotonia pega você pra Cristo”.

Vivemos um processo de secularização, fenômeno histórico, dos últimos tempos, pelo qual crenças e instituições religiosas se têm convertido em doutrinas filosóficas e instituições leigas. Em Portugal, o antigo Convento do Espinheiro é hoje um hotel de luxo.

Vista como um mecanismo social de convivência plural, a secularização, em si, não é um mal. A propaganda, entretanto, geralmente de caráter leigo, dispõe de inúmeros outros motivos sem necessidade de apelar para o religioso. A não ser como religioso mesmo. Autêntico. Que as religiões, sendo respeitadas democraticamente, desfrutem de seu espaço sem radicalismos e se respeitem mutuamente. Mais até: partilhando seus sentimentos religiosos e unindo pontos de vista comuns, dentro de uma visão ecumênica de crenças e convicções.

semana-santa-2014-por-antonio-de-oliveira

Não se propõe aqui o resgate, indistintamente, de um processo histórico. Mas, uma visão criteriosa e objetiva das coisas e dos acontecimentos, a meu ver, impõe reflexões tanto à sociedade como às comunidades de defensores e partícipes de determinadas crenças e convicções, novas ou herdadas. Da parte de qualquer grupo se exige sua inclusão no conjunto da sociedade, mesmo discordando de muitas práticas culturais. O grupo bem-intencionado respeita seu entorno plural. Mas vale repensar se faz sentido o feriado religioso, em razão hoje de uma minoria de fato. Para a maioria é apenas uma referência comercial e de lazer, quando não de inteira distorção do sentimento religioso. Caso contrário, “a monotonia pega você pra Cristo”. Se a resposta à indagação defende a manutenção desses feriados em razão de tradições histórico-culturais, que o resto da sociedade, na prática, a maioria, respeite as comemorações e os símbolos religiosos, sem necessidade de referências apelativas.

[author] [author_image timthumb=’on’]https://www.duniverso.com.br/wp-content/uploads/2014/03/foto-antonio-oliveira.jpg[/author_image] [author_info]O professor Antônio de Oliveira, cronista fascinante, é Mestre em Teologia pela Universidade Gregoriana de Roma, na Itália. Licenciado em Letras e em Estudos Sociais pela Universidade de Itaúna; em Pedagogia e em Filosofia pela Faculdade Dom Bosco de Filosofia, Ciências e Letras de São João del Rei. Estágio Pedagógico na França. Contato: antonioliveira2011@live.com[/author_info] [/author]

Imagem: sxc.hu

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Um comentário em “Semana Santa

  • 18/04/2014 em 17:29
    Permalink

    Uma bela visão sobre o real significado da Semana Santa, Antônio!
    Artigo elucidador!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.