Social Media para empresas: primeiros passos

Social Media para empresas: primeiros passos
Por Gustavo Mariano*

Há anos os especialistas em marketing digital falam sobre a importância de uma empresa estar presente nas redes sociais. E isso fica ainda mais claro ao pensarmos no que pode ser alcançado, na facilidade de interação com os consumidores e nos insights que podem ser levantados a partir de uma rotina de monitoramento.

rede-mundial-de-computadores

Mas não podemos meter o pé pelas mãos: estar presente nas redes sociais não significa contratar uma pessoa para ficar fazendo 30 publicações por dia em nome de sua empresa e respondendo as perguntas de seus fãs da maneira que julgar mais conveniente. É necessário uma expertise, uma estratégia bem definida e um gerenciamento completo por trás de cada comunicação emitida por uma marca para que as mídias sociais não sejam apenas um tapa buraco, mas sim um canal de negócios.

Portanto, trouxemos aqui os primeiros passos para inserir sua empresa no contexto de mídias sociais ou até mesmo repensar se está seguindo no caminho certo.

internet-social-media

Definição de objetivos

A primeira coisa que deve estar bem clara na sua cabeça e de todas as pessoas envolvidas nesse projeto é: o que queremos com isso? Ter um objetivo bem definido ajuda a definir quais são os profissionais que serão envolvidos na operação, garante que os esforços estão sendo aplicados de maneira alinhada e permite mensurar os resultados desse trabalho. Isto é, se a sua empresa deseja ter o Facebook como uma extensão de seu SAC, por exemplo, é necessário alocar pessoas comunicativas e bem informadas sobre a marca e seus produtos, instruí-las para fazer um monitoramento em tempo real e estar atento a possíveis crises, e também é possível avaliar o desempenho dessa equipe baseado em tempo de resposta e diminuição da demanda do SAC offline, além de identificar problemas recorrentes para corrigi-los direto na fonte.

publicidade-nas-redes-sociais

Definição de público-alvo

Posto o objetivo, é preciso definir o “com quem” você deseja se comunicar. Isso guirá a escolha de quais mídias sociais trabalhar, como deve ser a abordagem, como deve ser o conteúdo, qual deve ser o formato desse conteúdo, entre outros pontos. Se o seu público-alvo é, por exemplo, homens de 40 anos ou mais, talvez não valha a pena investir seus recursos em Instagram mas sim no Facebook e LinkedIn. Muito provavelmente uma linguagem jovem e coloquial não terá tanto impacto e um conteúdo contemplado por memes não será tão atrativo. Nesse quesito, cada caso é um caso e é preciso analisar com calma como será feita essa comunicação.

marketing-para-internet

Definição de estratégia
Agora com o objetivo e o público-alvo definidos, precisamos trabalhar em como fazer com que esses dois passos se encontrem através de uma boa estratégia. Para a elaboração da mesma, precisamos estudar a mídia a ser trabalhada e também como os concorrentes e benchmarkings atuam no ambiente, pois assim conseguimos retirar diversas boas ideias que podem ser reaproveitadas e/ou servirem de inspiração. Feito esse estudo, podemos desenhar um cronograma de postagens, traçar linhas editoriais, prever datas e acontecimentos importantes, e também avaliar se é necessária uma verba de mídia para potencializar os resultados – sim, na grande maioria das vezes ela é extremamente necessária.

marketing-para-web

Definição de métricas

Tudo pronto, postagens no ar, anúncios rodando, fãs e seguidores interagindo. E agora? Um ponto muito importante para avaliar se o trabalho de social media está sendo bem feito é o estabelecimento de KPIs, ou métricas. Essas métricas tem de ser definidas de acordo com os objetivos pontuados no começo do projeto e, portanto, variam de empresa para empresa. Há diversas possibilidades: número de seguidores, engajamento (Curtidas, Compartilhamentos e Comentários), número de menções à marca, sentimento em relação à marca (Positivo, Neutro e Negativo), tempo consumido em SAC offline, entre outros.

Obviamente que a conversa não para por aqui, há muito o que se explorar do potencial das redes. Mas seguindo esses passos, você já é capaz de dar início a um projeto mais sólido e estruturado de social media. Mãos à obra!

Grande abraço!
Press Office

*Gustavo Mariano é Social Media na ABlab
Imagens: shc.hu

Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.