Ong ASPAC acolhendo vidas

Ong ASPAC acolhendo vidas
Fiquei admirado com excelente trabalho da ASPAC em Belo horizonte.
É um exemplo vivo de que, quando existe união, vontade, amor e solidariedade, é possível sim, promover qualidade de vida à um grande número de pessoas, transformando a sociedade e tornando o país melhor para se viver!

Conheça a ASPAC.

A Associação de Pais e Amigos do Centro de Reabilitação – ASPAC é uma instituição filantrópica, apolítica, que presta assistência clínica, psicológica, pedagógica, nutricional entre outras, para crianças, adolescentes, portadores de necessidades especiais e pessoas que se recuperam do envolvimento com drogas de Belo Horizonte.

A idéia da construção da ASPAC surgiu em 2000 através da proprietária da Clínica de Reabilitação e Integração Social – CRIS, Cláudia La Badié. A Clínica CRIS atendia diversos portadores de necessidades especiais em diversas modalidades clínicas, no decorrer do tempo, a proprietária percebeu que muitas pessoas não dispunham de condições financeiras para arcar com os custos de um tratamento especializado. Daí surgiu a idéia da ASPAC que é fazer atendimentos clínicos às pessoas que não podem pagar um tratamento. O trabalho da ASPAC é muito interessante por ser multidisciplinar, pois as pessoas que são atendidas, não recebem atendimentos isolados, mas sim atendimentos que se complementam, como nutrição e psicologia, fisioterapia e terapia ocupacional, dentre outras etc.

Embora essa idéia tenha surgido antes, somente em 2001 que a ASPAC iniciou suas atividades, registrando-se como sociedade civil, com a razão social de “Associação de Pais e Amigos do Centro de Reabilitação” na região do bairro Planalto em Belo Horizonte. A ASPAC recebeu este nome por ser a vontade de pais, amigos e comunidade, para que todos tenham o direito de ser atendidos, independente da situação financeira. O principal desafio da fundação da ASPAC foi a ausência de verbas disponíveis para investimento em equipamentos e instalação física. Mas mesmo assim a ASPAC conseguiu se manter e atualmente atende 300 pessoas por mês.

 

 MISSÃO

Promover o bem estar para pessoas carentes, através de tratamento e acompanhamento clínico, buscando reintegrá-las à sociedade.

VISÃO

Se consolidar como uma associação atuante em Belo Horizonte e região metropolitana, prestando atendimento de excelência aos seus pacientes.

VALORES

  • Para a ASPAC, a valorização da vida e da saúde está em primeiro plano;
  • Busca constante pelo resgate à dignidade humana, ajudando sempre o próximo;
  • Valorização do ser humano, tratando o paciente de forma individual e humanizada;
  • Trabalho com seriedade e respeito;
  • Além de prestar um bom atendimento, a ASPAC também tem o intuito de levar alegria aos pacientes.

 

 LOCALIZAÇÃO

A ASPAC está localizada à rua Fernando Ferrari, nº 173, no bairro Planalto – Belo Horizonte/MG.

OBJETIVOS

Os objetivos da ASPAC são:

  • Proporcionar o bem estar das pessoas, através da avaliação, diagnóstico, tratamento, acompanhamento e encaminhamento à redes de hospitais, conselhos e outros órgãos.
  • Promover a integração e inclusão social de crianças, adolescentes, portadores de necessidades especiais e ex-usuários de entorpecentes.
  • Contribuir para o aprendizado e desenvolvimento de capacidades em crianças, adolescentes, portadores de necessidades especiais e ex-usuários de entorpecentes.

METAS

  • Aumentar o número de atendimentos mensais.
  • Aumentar o número de parceiros e doadores.
  • Lançar a Revista ASPAC, proporcionando aos leitores, um amplo aprendizado em relação à saúde do seu filho.

ESTRUTURA FÍSICA

A ASPAC possui um espaço compatível com os atendimentos que realiza, buscando sempre atender o maior número de pessoas. A ASPAC possui uma área construída de 381 m², que compõe 14 salas destinadas aos consultórios, um pátio com 40 m² de área livre, recepção e administração.

ATIVIDADES

Principais atividades

As atividades que a ASPAC desenvolve são diversas e multidisciplinares. Os atendimentos feitos referem-se as seguintes áreas:

  • Psicologia (individual e familiar)
  • Fonoaudiologia
  • Pedagogia
  • Psicopedagogia
  • Terapia ocupacional
  • Fisioterapia
  • Nutricionista
  • Assistente Social
  • Neurologia (atendimento limitado)

Atividades Secundárias

Além dessas atividades, a ASPAC ainda oferece várias oficinas e cursos, como:

  • Artesanato
  • Dança
  • Música
  • Teatro
  • Nutrição – Reaproveitamento de alimentos
  • Diversos cursos voltados para estudantes das áreas em que a ASPAC atua.

 

Estas atividades são realizadas por voluntários, e são organizadas de acordo com as demandas existentes.

A ASPAC conta atualmente com uma equipe de profissionais que se revezam diariamente para fazerem os atendimento aos pacientes. São Psicólogos, Fonoaudiólogos, Terapeutas Ocupacionais, Assistentes Sociais, Pedagogos, Psicopedagogos, além de monitores de oficina de música, de artes e de reeducação pedagógica. Ao todo trabalham na ASPAC 25 profissionais.

Saiba mais sobre ASPAC clicando aqui.

Entre em contato e faça sua doação.
Os necessitados, agradecem!
Tel: (31) 3494 – 2925

Site: http://www.aspacreabilitacao.org.br/
E-mail: contato@aspacreabilitacao.org.br

Clique nos botões para acessar Facebook e Instagram:

 ASPAC

 Equoterapia

 ASPAC

 

Grande abraço!

Press Office

*Todas as imagens contidas, foram cedidas pela instituição.

“TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.”

Author: Tomé Ferreira

Graduando em TECNOLOGIA EM MULTIMÍDIA DIGITAL pela UNISUL Iniciei minha carreira como “Desenhista” de prancheta. Arte-finalizava tudo manualmente também fazendo trabalhos esporádicos de Jornalismo Social. Fundei o Portal Duniverso em 2009 iniciando de vez minha saga pelo jornalismo o qual me apaixonei. Vida inteligente na WEB.

Share This Post On

3 Comments

  1. Prezado Tomé.
    Parabéns pela divulgação de trabalho tão importante como o da ASPAC.
    Estive verificando a localização da ASPAC e descobri que fica pertinho do Parque Lagoa do Nado. Que tal sugerir à ASPAC que promova atividades ao ar livre utilizando a estrutura do Parque, que pertence à Prefeitura e tem entrada franca?
    Grande abraço.

  2. Olá José!
    Prazer em vê-lo por aqui!
    Obrigado pelas palavras.
    Realmente, é uma excelente ideia!
    Grande abraço!

  3. O prazer é meu Tomé.
    Nós do caminhada.org estamos sempre atentos às boas notícias.
    Abraços!

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *