Conheça os países que têm o inglês como oficial
jan31

Conheça os países que têm o inglês como oficial

 Conheça os países que têm o inglês como oficial Descubra onde a língua inglesa se apresenta ao longo do mundo. Assim como os portugueses chegaram ao Brasil e emprestaram sua língua aos nativos, os ingleses fizeram o mesmo ao redor do mundo. Como resultado, o inglês tornou-se a língua oficial em diversos países nos cinco continentes. Abaixo separamos uma lista de nações onde o inglês é falado, confira! Estados Unidos da América  Localizado na zona norte das Américas, os Estados Unidos da América (EUA) é uma país muito visitado e com grande fama. Lá, estão um dos maiores estúdios de cinema do mundo. Em Hollywood se produz de tudo, desde dramas e comédias, até os blockbusters repletos de efeitos especiais e animações. Graças a um mercado interno aquecido, esse expoente do capitalismo contemporâneo, galga o título de maior economia do mundo. No entanto, os americanos não sabem fazer apenas filmes e dinheiro, a terceira maior nação do mundo em área também foi berço de um dos mais marcantes ritmos da música, o jazz – uma herança deixada pela cultura negra, da qual provem uma grande parte de sua população. Entre os esportes mais amados estão duas particularidades desconhecidas por muitos brasileiros: o baseball e o futebol americano. Ambos praticados tanto em campeonatos nacionais, como também nas centenas de universidades existentes, algumas das quais destacam-se internacionalmente pela notória qualidade do ensino como a Harvard University, por exemplo. Também por isso, o país produz tanta tecnologia e hoje é sede de grandes empresas de computação e armazenamento de dados como a Apple e Google. Quer visitar os EUA? Tenha aulas com um professor de inglês online e prepare-se para essa aventura. Inglaterra A Inglaterra é conhecida historicamente por sua influência ao redor do mundo. Essa ilha, que apesar de suas dimensões está na lista dos países mais ricos, é base da maior rede de televisão do mundo a BBC e manda sua mensagem através de bandas de rock como os Beatles e de movimento de contracultura como o punk. Na verdade, esse país tão emblemático foi palco de diversas revoluções como a Revolução Industrial e Feminista, que vieram a mudar as organizações sociais mundo afora. Grandes escritores como Shakespeare também ajudaram socialmente através de suas obras, as quais, passados mais de duzentos anos, ainda permeiam o teatro, influenciam a moda e captam o interesse de reis e rainhas. Índia Situada na região sul do continente asiático, a Índia é berço de religiões milenares como o hinduísmo e budismo, que com o passar dos anos ultrapassou as fronteiras do país sendo adotado pela maior parte dos povos asiáticos, influenciando, assim, todo um sistema filosófico do maior continente da Terra. Este também que é lar para mais de...

Read More
Conheça a linguagem das flores
dez25

Conheça a linguagem das flores

 Conheça a linguagem das flores Aprenda a deixar recados especiais por meio desse antigo costume da era vitoriana Em algum momento da vida, você já deve ter se deparado com pessoas escolhendo flores e falando sobre o significado delas. Alguns preferem rosas vermelhas para presentear o grande amor ou margaridas amarelas para desejar melhoras em uma recuperação . Mas você sabe de onde surgiu esse costume? E que existe um termo específico para denominá-lo? A floriografia, outra forma de chamar a “linguagem das flores”, tem muitas histórias e lendas ao seu redor. Antes das flores ganharem o papel de “pombo correio”, elas já simbolizavam muitas coisas. Romanos jogavam pétalas no caminho das noivas para que elas fossem delicadas com os maridos, enquanto os europeus costumavam colocar açúcar no buquê para adoçar o relacionamento do casal. A função de escolher o arranjo de casamento é justamente transmitir os sentimentos da noiva para o noivo e toda sua família, portanto, deve ser feita de forma cuidadosa. Coincidência essa relação com sentimentos amorosos? Não mesmo, ela vem justamente do fato das flores serem os órgãos reprodutores das plantas. Mas não é só de romance que elas vivem. Diz a lenda que um inglês, ao visitar a Turquia, se surpreendeu com o chamado “código dos turcos”, usado para exprimir sentimentos e expressar palavras por meio do significado das flores. O costume chegou à França, e em 1819 foi publicado o livro “Le Langage des Fleurs”, que explicava como se comunicar através apenas de símbolos florais. Nesse período, começou a conquistar poetas e escritores da Inglaterra, inspirando criações sobre o assunto. Já na era vitoriana, o código secreto começa a ganhar características mais complexas. Além do significado da flor, também era necessário prestar atenção na forma como ela seria oferecida. Um buquê e o jeito de ser entregue poderia representar uma carta contendo todos os tipos de sentimentos: do começo ao fim do namoro. Apesar de complicada, a linguagem das flores é bela, divertida e uma ótima guia na hora de escolher seu arranjo. Confira, abaixo, o significado de algumas flores e a forma de oferecê-las, segundo o livro “Segredos de tias e flores”, escrito por Henda da Rocha Freire, em 1982. Linguagem das flores (versão européia) Rosa: beleza Rosa vermelha: brilho Camélia: gratidão Amor-perfeito: pensamento Cravo vermelho: amor sincero Dália: novidade Flor de laranjeira: castidade Jasmim: amabilidade Peônia: timidez Tulipa: declaração de amor Violeta: pureza Hortência: indiferença Mensagens florais Oferecer um ramo de jasmim em pé e com a mão direita: “eu o acho amável” Prender um malmequer nos cabelos: “tenho por você muitos sentimentos” Um ramo de murta inclinado para o chão:...

Read More
9 curiosidades sobre a Austrália
dez01

9 curiosidades sobre a Austrália

 9 curiosidades sobre a Austrália A Austrália é um país encantador! E é justamente por isso que, ano após ano, recebe cada vez mais visitantes de diferentes regiões do mundo. Você também gostaria de conhecer esse país? Confira aqui alguns fatos curiosos que separamos para te ajudar a saber mais sobre a Austrália! Devido à sua grande extensão e por ser tão isolada do resto do mundo, a Austrália é considerada a única nação que governa um continente inteiro. Você não precisa se preocupar em não molhar seu dinheiro. O dólar australiano é produzido com um tipo de papel plástico que permite que ele seja molhado sem qualquer problema. O país dos cangurus aprecia tanto esse animal que até se alimenta deles! Os australianos podem encontrar em restaurantes e supermercados carne de canguru para fazer a sua refeição. É possível encontrar hambúrguer, filé, espetinho e até salsicha do animal. Em 1902, a Austrália foi o segundo país no mundo a liberar o voto feminino; isso ocorreu, também, 30 anos antes das mulheres no Brasil conseguirem o direito ao voto, em 1932. A região australiana abriga a maior quantidade de camelos selvagens do mundo. Essa superlotação tem causado prejuízos ao continente, pois os animais bebem grandes quantidades de água e causam estragos nas fazendas. Lá, você terá a oportunidade de conhecer um dos maiores aquários do mundo, o Aquarium of Western Australia, que conta com um túnel subaquático de 98 metros de área livre para você caminhar e apreciar as diferentes espécies marinhas. Sua fauna é considerada exótica e única, e os insetos não são mortos pelos australianos. Quando aparece alguma aranha dentro de casa, por exemplo, a única coisa que se pode fazer é colocá-la para fora com ajuda de algum objeto. Um ponto totalmente fora da realidade brasileira é que, lá, você pode ir às lojas, aos shoppings e aos restaurantes sem pagar pelo serviço de estacionamento. Há vários estabelecimentos em que você não precisa pagar pelas primeiras três horas em que precisou deixar seu carro estacionado. Os australianos adoram ambientes com áreas externas e em contato com a natureza, por isso, têm o costume de fazer picnics frequentemente. Além disso, a maioria das cerimônias de casamento acontecem em praias, parques ou lugares ao ar livre. Grande abraço! Press Off...

Read More
Dicas para se preparar para o Halloween
out27

Dicas para se preparar para o Halloween

 Dicas para se preparar para o Halloween O Halloween é uma celebração tradicional realizada no dia 31 de outubro, véspera do Dia de Todos os Santos. Conheça um pouco mais sobre essa data que tem ganhado cada vez mais espaço aqui no Brasil e veja como se preparar! Você sabe qual é a origem dessa data? O que poucos sabem é que, embora seja muito famosa principalmente entre os norte-americanos, essa festa originou-se na Europa através dos povos celtas há séculos atrás. Contudo, a celebração não era exatamente como nós conhecemos hoje. De acordo com o doutor em literatura Inglesa, Alexandre Meireles Da Silva, na antiguidade, o Halloween tratava-se de uma celebração pastoral realizada com o objetivo de celebrar o sucesso das colheitas feitas na época. Resumidamente, era realizada uma vigília chamada de Halloween Mass como forma de agradecimento pelas boas plantações. Assim, apareceu a expressão All Hallow’s Eve, que em português significa “Dia de Todos os Santos”, comemorado no dia 1 de novembro. E no dia 2 de novembro, ficou estabelecido o Dia de Finados, em que os vivos prestam homenagens aos entes queridos que já se foram. “Doces ou travessuras?” No começo do século XX, os imigrantes irlandeses levaram essa cultura para a América do Norte, que foi se reconfigurando e tornando-se conhecida em muitas regiões do mundo. O costume de entregar doces às crianças, por exemplo, tem relação com o êxito das colheitas realizadas na antiguidade. No Brasil, o Halloween tem ganhado cada vez mais força e muita gente está se preparando para as festas e concursos de fantasias! Confira aqui algumas dicas: Como escolher a fantasia ideal? Para não errar na hora de escolher a fantasia, o ideal é sempre pensar em seu próprio gosto. Não adianta escolher algo que você se sinta desconfortável durante a festa. O objetivo é sempre se divertir e aproveitar ao máximo, portanto, escolha um tipo de fantasia com o qual você se sinta bem e que mostre a sua personalidade. Uma boa ideia é pensam nos seus personagens de filmes ou desenhos animados favoritos, por exemplo. Montagem da fantasia A preparação da sua roupa tem que ser pensada com muito cuidado. Após definir qual será a fantasia, você pode procurar por modelos prontos que facilitarão muito a sua produção. Algumas lojas de fantasias, além de oferecerem as roupas, têm os acessórios ideais para você escolher aqueles que mais se adequam à sua ideia. Fazendo a sua própria fantasia Se você quer montar a sua própria fantasia, pense em tudo o que irá precisar, desde a roupa até os acessórios. Você pode apostar na utilização de roupas que já tem...

Read More
10 dicas de uso seguro para o gás de cozinha
set24

10 dicas de uso seguro para o gás de cozinha

 10 dicas de uso seguro para o gás de cozinha O botijão de gás é um item utilizado por grande parte da população e por conter gás GLP (gás liquefeito de petróleo) é extremamente inflamável, por isso que a instalação e o uso inadequado podem causar graves explosões. Os fabricantes de botijões e os itens para o seu uso precisam seguir a risca as recomendações da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas), além de ser aprovado pelo Inmetro. Ainda assim o consumidor precisa fazer o seu uso consciente para evitar acidentes. Pensando nisso, elaboramos algumas dicas para ajudar na utilização segura do gás de cozinha. Confira! Antes de comprar o botijão É importante observar o estado do botijão antes de adquiri-lo, então tenha certeza de que o distribuidor oferece um produto de qualidade com o selo do Inmetro, pois isso significa que são produtos que passaram por um controle de qualidade antes de serem repassados ao consumidor. Recuse se o botijão estiver amassado. Durante e após a instalação A instalação é simples, mas deve ter muita atenção para que seja feita corretamente. Os itens como mangueira e registro de gás precisam estar em perfeitas condições e possuir o selo do Inmetro. Outro cuidado é evitar passar a mangueira por trás do fogão e jamais fazer emendas sobre ela. Fique de olho também no prazo de validade da mangueira, que geralmente dura cerca de cinco anos. Imagem: reprodução pixabay.com O botijão precisa estar em local arejado e ao mesmo tempo protegido do sol, chuva e temperaturas muito quentes. O ideal é que ele fique do lado de fora coberto e protegido. Evite também deixar perto de instalações elétricas. Faça sempre o teste da espuma para ter certeza de que o botijão foi corretamente instalado, basta utilizar uma esponja com sabão e se fizer espuma verifique o que está errado e se tiver dificuldades procure ajuda de um profissional. Muitas pessoas acreditam que ao deitar o botijão será possível aproveitar o finalzinho do gás. Isso é um erro, pois pode danificar o regulador de pressão, causar vazamentos pela mangueira, além de não proporcionar o rendimento desejado. então jamais deite o botijão na posição horizontal. Nos momento em que não estiver utilizando o botijão procure deixar o registro fechado para evitar qualquer tipo de vazamento principalmente se for passar longos períodos fora de casa. Outra dica importante é que se houver suspeita de qualquer vazamento intenso evite acender as luzes e ligue para o Corpo de Bombeiros no 193. Grande abraço! Press Office...

Read More
A Vida é Um Gerúndio
set14

A Vida é Um Gerúndio

 A Vida é Um Gerúndio Por Antônio de Oliveira A vida é um gerúndio. Ou está sempre no gerúndio. Do latim, gerúndio é um tempo verbal que expressa aquilo que está sendo feito. Por exemplo, quando se está escrevendo, a ação continua, está por terminar, não está completa, está por completar. Há quem seja contra o emprego do gerúndio. Prefiro distinguir o gerúndio do “gerundizando”, um vício de linguagem muito comum. Na verdade, eu não vou estar completando sua ligação, eu vou completar sua ligação. Mas o gerúndio… Esse expressa um contínuo, no momento, não um vir a ser: estou escrevendo, estive escrevendo, estarei escrevendo. A vida humana é um permanente gerúndio, desde o nascimento até à morte. “Eu vivo”, essência, se distingue de “eu estou vivendo”, existência, embora ser e existir coexistam inseparavelmente, este dando continuidade ao ser, vida imanente, aquele identificando o ser. Diz a canção: “Eu bebo sim, Eu tô vivendo. Tem gente que não bebe, e tá morrendo”. Sou o que sou, mas no momento eu estou acontecendo, sou eu e minhas circunstâncias. Vivendo e aprendendo. Errando e acertando. Fazendo, desfazendo, refazendo. Lendo, relendo, treslendo. Construindo, desconstruindo, reconstruindo. Agindo, reagindo, interagindo. Pecando, convertendo-me, arrependendo-me. Nascendo, vivendo e morrendo. Administrando, avaliando, reavaliando. Dormindo, acordando, trabalhando. Adoecendo, cuidando-me, restabelecendo-me. “Suando para ser bom e caridoso em todas as horas da noite e do dia”. (Guimarães Rosa). Gerúndio é estar, estado passageiro, estágio, tirocínio, situação provisória, em andamento. Ser é estado permanente. Por isso o gerúndio vem precedido do verbo estar, não do verbo ser. Eu estou lendo, não eu sou lendo. Detalhes que fazem a diferença e dos quais não nos damos conta, dado o automatismo da linguagem. Expressando modo, Cartola preferiu escrever “A sorrir, eu pretendo levar a vida”, em vez de “Sorrindo, eu pretendo levar a vida.” Dá na mesma. O professor Antônio de Oliveira, cronista fascinante, é Mestre em Teologia pela Universidade Gregoriana de Roma, na Itália. Licenciado em Letras e em Estudos Sociais pela Universidade de Itaúna; em Pedagogia e em Filosofia pela Faculdade Dom Bosco de Filosofia, Ciências e Letras de São João del Rei. Estágio Pedagógico na França. Contato: antonioliveira2011@live.com Imagem: sxc.hu...

Read More